sábado, 9 de julho de 2011

O caso Poltergeist de Enfield (1977)

 

No ano de 1977, a família Harper vivia em Enfield na Inglaterra, mas a partir do mês de agosto coisas estranhas fizeram com que a vida de Peggy e seus quatro filhos se transformasse em um filme de terror.  Em todos os locais da casa objetos voavam, pegavam fogo, ouviam-se barulhos e gemidos misteriosos, vindos de lugares onde nada poderia gera-los. Contudo a parte mais estranha desses acontecimentos misteriosos atingiu a pequena Janet, uma garota de 12 anos que de um dia para o outro começou a entrar em transes, falar com uma voz demoníaca e ainda levitar pela casa, como se isso fosse algo comum.
Conforme essas situações ocorriam, a fama do caso foi se espalhando e assim diversos médiuns foram até a casa para tentar explicar o que e por que aquilo estava acontecendo com aquela família. Contudo o mais interessante é que alguns fotógrafos também conseguiram acesso ao local, dessa maneira eles instalaram câmeras que tiravam fotos de maneira automática, o que gerou um grande registro fotográfico, tornando esse um dos casos paranormais mais bem documentados do mundo.
Com todas essas pessoas como testemunhas, além de fotos e algumas gravações em áudio de momentos em que Janet estava em transe, foi tentado por pesquisadores provar a existência da paranormalidade, porém isso não aconteceu. 


Mas mesmo assim, as imagens e o vídeo abaixo nos fazem pensar bastante sobre isso:
1 – Mostra a garota deitada e uma almofada que havia caído da cama sozinha e flutuando pelo chão
  • 2 – Na sequência a coberta que cobria Janet levanta sozinha
  • 3 – Em poucos segundos depois a garota levita da cama e fica no ar por algum tempo, o bastante para que a câmera conseguisse capta-la flutuando
  • Outra imagem da garota flutuando no seu quarto
  • Imagem que mostra Janet flutuando sobre uma escrivaninha, com apenas uma mão apoiada na mesa
  • Segue um vídeo com algumas imagens e também com o áudio de uma conversa da garota em um momento de transe, pode-se notar que a voz dela soa como se fosse um ser demoníaco:
Fonte: Arquivos Insanos

22 comentários:

  1. Vocês sabem em como se deu o desfecho desse caso?

    ResponderExcluir
  2. Foi mentira. As meninas confirmaram que 2% de tudo elas quem fizeram. Mas na minha concepção,quem faz 2% ,faz 100%.
    Tudo mentira. Não sei como os policiais acreditaram e relataram terem visto a cadeira flutuar. Que policial vacilona.

    E o pior de tudo,a família worrior que disseram que fizeram com que o espírito fosse embora,É MENTIROSA. Pq eles nem participaram da investigação. E outra coisa,o filme INVOCAÇÃO DO MAL 2 É MAIS UMA FARSA DA FAMÍLIA WORRIORS. Vergonha. Eu acreditava neles.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na Bíblia diz : DEUS existe o Demônio exite esse negócio de fantasma é pra criança e como na Bíblia Lorraine Warren disse o mesmo entao... eles acreditavam na existência de DEUS ou seja eles eram Cristãos e pela minha religião eu acredito em tudo isso !

      Excluir
    2. família worrior? kkk e worriors do filme guerreiros da noite ou selvagens da noite? kkk e warren espertao

      Excluir
    3. Esse cara só fala Mérida,nem o sobrenome do casal o jumento sabe escrever kkk.

      Excluir
    4. Animal, além de não ter conhecimento nenhum da história também não sabe escrever.... Anta, procura a história real que está em inglês, lá tem detalhes.

      Só que escrever em português vc não sabe, ler em inglês acho impossível p vc ANTA. KKKKKKK

      Excluir
  3. EU NÃO CREIO QUE SEJA MENTIRA PODEM ATÉ AUMENTAR ALGUMA COISA, MAS SEI QUANDO ALGUÉM MORRE NÃO VOLTA MAIS A VIDA,ENTÃO O QUE ATORMENTA DE FATO É O DEMÔNIO.

    ResponderExcluir
  4. Quanto absurdo, tá bem óbvio de que é sensacionalismo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. você falou de uma maneira tão burra que não te entendi

      Excluir
    2. Não é sensacionalismo querida, estude um pouco sobre possessões e recomendo também estudar um pouco de Demonologia

      Excluir
  5. o caso de anneliese michel me parece ser verdadeiro !

    ResponderExcluir
  6. Oh cambada de ignorantes, eles pegaram o caso paranormal, e juntaram os dois, para fazer o filme !!! Eles como caçadores de demónios, pelo primeiro filme, o diretor decidiu pegar essa historia e colocar o casal no meio, assim bem como tem 5 outras histórias, para um possível " invocaçao 3" !! Deixem de ser otários, claro que nao filme tem muita coisa para assustar, sim ... Mas como diz foi " BASEADO " em fatos reais.. Nao replica de fatos reais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chamou o pessoal de ignorante e se saiu muito pior que ignorante... kkkk
      A família warren participou desse caso sim LESADA, vai estudar um pouco mais de história antes de sair falando merda.

      Excluir
    2. a familia warren acho que eles nao participaram não eles foram ate la para tentar mostrar algo da parte deles e ganhar um dinheiro por cima dessa historia.

      Excluir
  7. Eu só acredito em um fantasma ultimamente, o fantasma do DESEMPREGO esse sim anda assustando muito .

    ResponderExcluir
  8. Bom, uma coisa é certa, as fotos e o áudio não provam e muito menos convencem nada. Aí vai de cada um.

    ResponderExcluir
  9. Sendo verdade ou não,Apesar de equipamentos de gravação e de vídeo, os quais já estavam disponíveis na época, a única prova documentada dos fatos, foram audios e fotografias que foram tiradas no local durante a incidência dos fatos.

    ResponderExcluir
  10. Vocês não sabem que é assim que a indústria cinematográfica ganha dinheiro?? pegam um caso de esquizofrenia e transformam em caso de possessão demoníaca.Vocês ha viram um fantasma pessoalmente??

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Ela cedeu uma entrevista depois de anos.O irmão dela morreu de câncer e mãe também. Ela admitiu ter inventado 2℅ para ver se percebiam.A outra família que mudou ficou só 2 meses lá.É claro que tem muita coisa inventada,mas acredito no que ela contou. E ela mesma sofreu um aborto aos 18, pois casou cedo para sair de lá.

    ResponderExcluir